sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

QUESTÃO EM QUESTÃO 6

Percebendo que o radicalismo político se acirra dia a dia no país e que há um lado crescente defendendo intervenção militar (filme, aliás, já visto em 1964), veio-me à cabeça uma questão atroz e deveras perturbadora: se a maioria quiser a ditadura, a democracia terá de aceitá-la?

Veja também: