quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

UM TANTO DE GRANDEZA E MUITO DE CORAGEM

Neste último dia deste ano complicado, cheio de altos e baixos, gostaria de manifestar meu desejo de compartilhar com todos que façam por merecer as maiores alegrias do mundo em 2016, aquelas muitas que temos deixado de lado por puro egoísmo. Mesmo aos que não têm feito muito bem aos outros (e a si, por inevitável conseqüência), desejo de coração e alma que melhorem (muito!). Para isso precisarão, como todos, de muita saúde, muita paz e plena felicidade. 

E vamos agora, então, ao primeiro dos muitos anos de colheita, porque já semeamos muito e a lição já sabemos de cor. Não, já não nos resta mais aprender, falta só praticar mais e mais. E sempre mais. Ter bondade, é sim, ter muita coragem. Portanto, a partir deste momento, tenhamos um tanto de grandeza e muito de coragem. É o que desejo a todos nós!

PS.: grato a Beto, Renato e Cazuza, que sem saber me ajudaram a concluir este texto. E a Michel, por ter trazido ao mundo a música abaixo, além da Kristina e o pianista que não sei o nome, por executá-la tão bem, e também a Flávio, Milton e Murilo (autor de belíssima letra), que me fizeram conhecê-la ainda em meados dos anos 80. Até 2016!


Veja também:
Músicas que nos fazem viajar
Conexões